Estado de resiliência, habilidade que uma consciência desenvolve para resistir, lidar e reagir de modo positivo diante de uma situação adversa. É também é uma propriedade física que um material tem de retornar a forma original depois de sofrer uma tensão intensa sobre ele. Figuradamente a paciência é uma consciência calma, tranquila, em paz, sossegada, serena. Para uma consciência chegar a este estado, somente se ela andar pelo espírito, pois na carne jamais uma consciência está sossegada, mas sempre a mesma rima: mas esta agora! É uma zica atrás da outra.

Quando a gente pensa que está tudo bem, lá vem a notícia ruim, e a consciência: mas esta agora! Era só o que me faltava! Tem que ter muita paciência para vencermos este mundo, como meu irmão Jesus disse: neste mundo tereis aflições, mas tendo bom animo, eu venci o mundo.
A paciência é uma virtude do espírito, pois o tempo dele é o eterno, mas a cólera é própria da carne, pois a carne é uma existência repentina. Nós temos sempre que lembrarmos que estamos dentro de um propósito e o que interessa ao nosso Criador Deus, é a consciência que produzimos como criação, mas para que esta consciência sirva a Deus, ela precisa estar pura, desligada da carne que a produziu.

É assim como quando colhemos um fruto do seu pé para o nosso proveito, no caso aqui, a consciência é para o proveito do espírito. Mas no caso da consciência, ela não é colhida com as mãos, pois ela é abstrata, mas há leis e princípios estabelecidos por Deus para isto. E é só praticarmos o princípio dentro das leis da procriação espiritual, que a coisa ocorrerá naturalmente, assim como uma mulher, que coabita com um homem no seu período fértil, e fica grávida dele.

É uma coisa divina, tanto a reprodução carnal quanto a reprodução espiritual, como Paulo disse: se o nosso nascimento para aquilo que é transitório, já foi glorioso, imagine o nosso nascimento para aquilo que é eterno, de quanto maior glória será?
A gestação de um novo ser no ventre de uma mulher, já é uma coisa sublime, imagine a gestação do espírito de Deus dentro de uma consciência, de quanto maior sublime será? Meu, é neste campo que a paciência entra, pois tudo de Deus tem o seu tempo determinado, e não tem como atravessar o tempo de Deus.