Ó consciência!
Muitas adversidades hão de vir
Mas devemos agir com inteligência
E não deixar se sucumbir

A verdade nos liberta
E não podemos nos enganar
Tempos difíceis vivenciamos nesta Terra
Mas uma hora tudo se acabará

Aquele que ficar firme
Na rocha assentada no interno
Deixar a ilusão e as crendices
Entenderá o que expresso nos versos

A sabedoria é luz que ilumina
E nos leva a compreensão
A todo momento nos ensina
Dissipando a escuridão

Faz da alma fortaleza
Para enfrentar as tempestades
Nos dá o poder da realeza
Garra e muita coragem

Não se abale com o pó
Respeite o dono da vida
Desate o laço e o nó
No seu peito está a saída

Mão divina que te acena
Querendo te conduzir
Ouça sua voz em poema
Deixe a alma reluzir

Por Michele Mi
Tema: Benedito Moura – Rolândia/PR