Incontáveis são minhas decepções
Parece um ciclo em minha alma
Uma coleção de frustrações
Que insistem em tirar minha calma

Quantas coisas poderia ter evitado
Se tivesse antes raciocinado
Fantasmas me rondam, vem do passado
Deixando meu interno enclausurado

Mas há de ter uma saída
Para findar esta minha agonia
Tenho o poder de me transformar
E caminhar com a sabedoria

Vou no meu eu confinar-me
E ver o estado da minha casa
Preciso de uma vez limpar-me
Crescer e criar minhas asas

Não devo culpar ninguém
Este seria meu pior erro
A verdade está muito além
Preciso enfrentar os meus medos

Quero sentir a liberdade
E a paz no meu coração
Viver de fato a realidade
Dissipar a fantasia e a ilusão

Hoje é o dia oportuno
Para plantar a boa semente
Cansei de guerras e surtos
Quero a vida florescendo em minha mente

Por Michele Mi

Participe você também dos poemas! Faça sua sugestão enviando um tema. Ele será veiculado aqui!