Toda consciência deseja
Ser livre para voar
Alçar o céu como os passarinhos
E sentir a brisa do mar
Desprender-se deste chão
E dos sentimentos mesquinhos
Libertar o coração
Entender a vida e seu sentido

 

Temos este poder em nossa mão
E o raciocínio para enxergar
É só buscarmos nossa razão
E saber a hermenêutica de amar

É no profundo, no nosso imo
Que as coisas acontecem
Se a tolice for companheira no caminho
A alma entristece e adoece

Devemos ser conscientes
E agirmos com sabedoria
Para libertar nossa mente
E fazer da vida uma linda poesia

Nossa alma pode viajar
E ver magníficas paisagens
Mas se ela se aprisionar
Viverá de quimeras e miragens

Vamos cuidar do nosso interno
Para a alma ficar salutar
Mudar a estação do inverno
Abrir as janelas para o sol entrar

Não vamos colecionar
Nenhum tipo de frustração
Na estante da nossa alma
Deve morar a compreensão

Por Michele Mi♥️

*”Participe você também dos meus poemas!”
Faça a sua sugestão, dê um tema e ele poderá ser veiculado aqui!