Apunhalado pela ignorância X

Ignorância! Podemos classificá-la ao menos em dois tipos: aquela no trato com as pessoas, que embrutece, que torna rude o sujeito; e aquela que se caracteriza pela falta de conhecimento sobre algo e por conta disso não há entendimento e compreensão. É claro e um tanto quanto óbvio que tais formas têm correlação entre si, […]

De mim para mim mesmo! IX

Essa é uma forma de interação e dinâmica de cunho psicológico bastante conhecida, em que o próprio indivíduo se avalia em um todo e verbaliza, através da escrita, conselhos para si mesmo acerca de suas ações. Nessa interação, revisita o tempo vivido, os fatos e acontecimentos que marcaram os momentos de sua até então existência […]

Introspecção! IX

Sempre que vou refletir um tema para discorrer sobre ele, uma de minhas ações é buscar o significado da palavra base, e hoje a palavra central é introspecção. Em sua formação há a junção de duas outras: Intro: dentro e prospecção: sondar. Sendo assim, introspecção é olhar para dentro de nós mesmos, perscrutar o nosso […]

Quanto vale a tua alma?VI

Quando falamos de valor, estamos obviamente falando de precificar algo! O artesão, ao elaborar e executar uma peça quantifica todos os gastos, tanto de tempo quanto de materiais utilizados, para então precificar tal peça e dar a ela o valor devido, afinal quem mais poderia estimar real valor para a peça senão o próprio artesão? […]

Espelho, espelho meu! IX

“Vê, teus olhos no espelho? Por fora um herói, por dentro um ladrão!” O espelho só diz verdades! Ele reflete a nossa imagem exterior, essa que a todo custo tentamos manter diante do espelho ocular dos que nos cercam, bem como também dos de longe. Basta um olhar, mesmo que seja de soslaio, ei-la refletida! […]

Emancipação!

Segundo o dicionário o significado da palavra emancipação é: qualquer libertação, alforria, independência. Ora, é um dos momentos mais aguardados para os jovens em geral, como o foi para mim um dia, quando perante a sociedade ao completarem 21 anos, se tornam capazes e responsáveis por suas próprias decisões tanto sociais quanto políticas, embora essa […]

Fonte de água viva! XIII

“O termo fonte provêm do latim “fons”. Lugar de onde brota água continuamente; nascente natural; manancial que brota água do solo, bem como uma construção provida de ao menos uma torneira ou bica por onde corre água. Inicialmente serviam para serem funcionais, com o passar do tempo passaram a ser apenas objetos decorativos em jardins, […]

E depois? …e depois?

É uma expressão corriqueira, habitual e casual usada quando queremos saber a continuidade de algo que esteja relacionado ao contexto do momento ou não, onde se aborda um fato, podendo ser uma conversa, uma história, etc. A palavra “depois” é um advérbio de tempo que significa: mais tarde; em tempo posterior, adiante, etc. Ao realizarmos […]

O batucar da vida! IX

Ouvimos no cotidiano inúmeros sons, tanto naturais como produzidos pelo atrito do encontro de objetos e ou de mãos (esses com o intuito de produzir novos sons). Do nosso próprio corpo ouvimos e produzimos sons, uns voluntários, outros involuntários, como: o assobio, a voz, o pulsar do coração, o roncar da fome, o arrastar de […]

Lavei as minhas mãos! VIII

Frase épica, histórica, marcante e cuja qual é repetida ao menos uma vez em nossas breves vidas em alguma dada situação! Quem de nós já não ouviu a frase: “lavei as minhas mãos”? Em seu significado, a frase em sua expressão quer dizer que tudo o que havia a ser feito ou falado, que todas […]