Eu não o conhecia
Nem sabia que existia
Eu não raciocinava
Que em mim ele morava

Quanto tempo já passou
Ele sempre esteve aqui
Para que eu o enxergasse
Minha razão de existir

Senhor justiça nossa
O Cristo enviado de Deus
Para todos que por ele andar
E fazer deste braço o teu

Rasguei o véu
Acertei o prumo
Vou rumo ao céu
Bem longe deste mundo

Hoje eu o conheço
O enxergo muito bem
Minha rocha, meu caminho
Com ele vou além

Pois ele é minha vida
Sem ele não sou nada
Com ele me faço um
Por toda eternidade

Por Regis Roberto