Descobrir quem sou e o que devo me tornar foi realmente um marco transitório. Ouvir as boas novas do céu foi revelador, libertador! Todos os dias converso com o meu senhor, que me vivifica e me instrui como prosseguir e proceder, para que reine em minha consciência. Me instigo a derrubar o que possa me impedir de nascer no plano espiritual. Bem aventurados são os pés daqueles que me trouxeram a verdade de Deus e hoje eu posso levar à todos que a quiserem ouvir. Por que a falta de conhecimento e entendimento, a profunda ignorância em que as consciências estão atoladas as levam à não compreensão da grandiosidade do propósito de Deus bem como Dele próprio. Confabularam e propagaram um deus errôneo em suas consciências e está tudo certo, até o momento em que a morte carnal chega e se deparam com o nada eterno. Mas então game over, o anjo alado retornou ao lar sem a consciência. O tempo de buscar e sentir já não há e o óbvio, bem, o óbvio será uma eternidade de nada! Pois vejo que o Homem a cada dia aumenta em seu rol de adoração um santo milagreiro na tentativa de alcançar a salvação. Busca incessantemente na devoção as imagens algo que já está dentro de si próprio, mas que cego não vê.Tenta de todas as formas ludibriar a morte e garantir vida eterna, mas mata dia após dia sua única chance desprezando o redentor que o vivifica.

Prefere prostrar-se ante aos ídolos feitos por suas mãos do que renunciar a carne e viver em obediência. E pior, lança-se ao vazio eterno por ignorância e comodidade, crendo estar salvando-se. Pura tolice de um povo impuro e indigno! Afinal, sair do pedantismo carnal e ver-se como aquilo que realmente somos é o melhor feito para o Homem. Deixar de gloriar-se no que se tornou na carne e vê-la como algo insignificante, porém necessário, é um sentimento ímpar. Trilhar o caminho do raciocínio e obter o entendimento do propósito de Deus é maravilhoso. Sentir o espírito da vida e tê-lo como senhor é inexplicável e único para cada consciência que se permitir achegar-se a ele. Realizar a jornada do caminho e chegar a condição de Cristo sendo parte eternamente do corpo de Deus será transcendental.

Por Loir Xavier