Discórdia tanto é falta de entendimento, como também desavença, depende do contexto, embora os dois sentidos estejam ligados e presentes na maioria das situações. Obviamente que a falta de entendimento sobre algum assunto leva os indivíduos à falta de acordo, haja visto as opiniões adversas, pois não há concordância, causando a desavença.

Assim é o que vemos sobre o propósito de Deus, a falta de entendimento da verdade de Deus, leva a inúmeras opiniões, adversas e errôneas, ocasionando a entrega total, generalizada das consciências ao engano. E de placa em placa, de doutrina em doutrina, de costumes em costumes, o propósito está sendo derrubado.

Não há consenso, não há entendimento porque não são guiados pelo espírito de Deus, não há busca para o direcionamento, aliás fiam-se em seu próprio entendimento. Sendo assim cada qual defende os seus pensamentos, as suas opiniões e claro a “verdade” que os favorece.

Por Loir Xavier