Pão! Só a palavra já nos remete a fome e saciedade.

O pão é um dos alimentos fundamentais para a alimentação das pessoas, embora apresente certa escassez, por conta dos problemas sócio econômicos acarretados pelo próprio Homem, advindos de sua ganância, onde o lucro é tido por sua principal fonte de subsistência. E o que vemos, são milhões passando privações, dentre elas a fome, incapacitados, impossibilitados de alimentarem-se e nutrirem o corpo físico.

Todavia há no Homem uma fome e sede, ainda maior do que daquilo que é escusado, avassaladora, consumidora, a fome de vida!

O nosso irmão Jesus pelo espírito disse: “Eu Sou o pão da vida, aquele que vem a mim nunca terá fome, aquele que crê em mim nunca terá sede! “E quem tem fome e sede, busca saciar-se!

A saciedade está em comer do pão e em beber das águas vindas do céu, as quais encontramos na palavra do Senhor, comida esta que deve ser entendida, a fim de que seja digerida de forma perfeita e assim possibilitar que seus nutrientes penetrem e ajam para o crescimento e fortalecimento da consciência, até que esteja livre de todos os enganos, esteja madura, pronta para a degustação de Deus, o Pai! É certo que tal processo se dará devido a constância em buscar o pão da vida, o espírito de Deus em nós, o alimento que cura e preenche a alma. É necessário que a consciência tenha a ciência e a certeza convicta de que tudo de que precisa está em si.

O pão da vida é o próprio Deus, é Sua porção nos alimentando, fortificando, nos preparando para o encontro, para o encaixe perfeito, para o enlace eterno!

O pão da vida é o Senhor e não há outro capaz de sanar a fome e a sede de toda alma, pois “quem Dele se alimentar, viverá eternamente!”

Eu tive fome e sede, mas Nele, no espírito santo de Deus, encontrei a fonte do alimento eterno!

 

Por Loir Xavier