Alguns o são, já outros apenas em seus momentos de loucura. Aqueles momentos em que a verdade de o que pensam e como são explode pela boca. Pronto, acabou, mostrou-se! Verdade é, que ninguém conhece de fato uma consciência a não ser ela mesma, ao menos até que se mostre de fato. Mesmo aqueles com quem convivemos por anos, tem o seu fator surpresa! Pois bem, estamos dentro de um propósito e temos conhecimento deste, caminhamos para o seu entendimento (que para mim é também a realização) sentimos o toque do espírito e por Ele buscamos nos moldar. Já não podemos ser ou ter a mesma consciência e sim termos enfado da carne ainda instalada e mudar nosso ser. Transparecer para tratar e curar a fim de sermos um com o nosso senhor!

Por Loir Xavier