A orquestra bem regida
O tom mais afinado
As flores mais bonitas
Som, campestre calmo

Origem sem questão
Iniciou em lágrimas
Desvincular o coração
Na pureza das águas

Uniu os versos
Como universo
União do inverso
Sem reverso

Pairou em sintonia
Como a natureza
Os pássaros cantam a sabedoria
O dia em destreza

Dançarinos ao vento
Balança tua raiz
Sente a brisa sem tempo
Infindável seu dia feliz

Paisagens passageiras
Interno em tela
Eterno horizonte em alma verdadeira
Traçou linha reta

Percurso aparentemente infinito
A razão lembra-te do finito
Lógica em tom cínico
Racional aquele que trilha o caminho

Pena tão leve
Mas pesa nas costas
Descarregue
Deixe chover sua ligação torta

Quão bela és tua fala
Natural beleza
Não esconda-se em sala
Voe em tua natureza

Maestria do campo
Maestro em canto
Batuta afinou o pranto
O céu declamou meu cântico

Plante amor
Colha compreensão
Espere o brotar da flor
Em sua eterna canção

Por Luíza Campos