O tempo que nos foi dado para realizarmos o propósito de Deus é este, enquanto temos a vida, já foi dito antes: buscai ao senhor enquanto se pode achar. Invocai-o enquanto está perto. Quando se diz enquanto, é porque temos um tempo a realizar o propósito da vida. Não adianta deixar este tempo passar, achando que depois dará um jeito, pois depois que a vida for embora, a consciência perderá o tempo de ter ido atrás dela. A vida é própria do espírito que está dentro de cada um de nós e quando o espírito voltar a Deus, se a consciência não se fez uma com ele, ela perderá a vida e cairá no vazio eterno.

Parece que não tem um peso dizer no vazio, mas tente imaginar todas as pessoas deste mundo morrer para você, tudo morrer para você? Restar só você e mais ninguém? Agora tente imaginar morrer seu próprio corpo carnal para você? Esdrúxulo isto não? Pois é, o vazio eterno é só a sua consciência, sem o corpo carnal, sem a vida que era própria do espírito, que inclusive a sua consciência deveria ter inseminado o espírito de Deus dentro dela para ter formado o seu corpo espiritual, pois o espírito é eterno, mas a carne é morta em si mesma, de qualquer forma um dia perderemos este nosso corpo carnal.
Este seria o tempo de realizarmos o propósito da vida, enquanto a temos, pois depois que a perdermos, nunca mais acharemos o tesouro da vida.

Por Kátia Campos