Um erro comum a todos, é que praticamente todas as consciências não seguiram o curso natural proposto por Deus, que seria toda consciência indo atrás da vida, buscando a vida, e todos sabem que a carne é morta, mas o espírito é quem vivifica. É no espírito que está a vida e nós já a temos, basta a consciência se desligar da carne e se ligar no espírito. Falando assim, parece ser uma coisa fácil, mas na prática é outra história. Não porque Deus fez ser assim, mas foram as próprias consciências que se ligaram a carne errado, pois a carne é uma criação e uma hora ela voltará ao pó.

Mas as consciências têm muitos sentimentos pela carne e são estes sentimentos que devem ser eliminados da consciência, pois pelo propósito de Deus, as nossas consciências devem ter sentimentos pelo espírito de Deus e ele já está em nós, ele também é uma existência, e é nele que as nossas consciências devem formar um corpo, assim como hoje temos este corpo carnal, mas este corpo uma hora vai para debaixo da terra, mas o corpo espiritual é eterno. Por isso, a consciência precisa inseminar e gestar o espírito dentro dela, para este corpo espiritual se desenvolver até a estatura completa do ser espiritual, e por fim o nosso nascimento no céu pelo espírito. Quer bem maior para uma consciência tendo a vida eternamente no plano do céu pelo espírito?

 

Por Kátia Campos