Todos nós estamos neste mundo pelo mesmo propósito, somos todos exatamente iguais, não tem ninguém mais ou menos. Todos temos uma porção do espírito, uma porção da matéria e produzimos a nossa consciência independentemente um do outro. Sentimos as mesmas coisas, mas nunca podemos nos esquecer que estamos no mundo para realizar o propósito de Deus e é este propósito que deve estar a frente de qualquer coisa. Sabemos que um dia a carne morrerá e quem nos dá a vida é o espírito de Deus. A consciência que produzimos como criação é que interessa a Deus, é esta consciência que pode continuar com vida se ela se entregar nas mãos do espírito de Deus. Este espírito que nos dá a vida veio a nós apenas para buscar a nossa consciência e leva-la a Deus, mas a consciência que não perceber isso e não se entregar a ele, cairá no vazio eterno.
Este é o propósito da vida, mas não podemos ficar no raso, mas devemos nos aprofundar na sabedoria divina, pois ela é simples de entender, mas profunda no entendimento.

Por Kátia