Difícil encontrar alguém que queira conversar da razão da vida, conversar sobre o propósito de Deus. Ninguém quer ter este tipo de conversa, mas todos querem jogar conversa fora, falar do que não convém, falar das picuinhas deste mundo, falar dos problemas que cada um busca para si mesmo. É! É Muito difícil ter uma conversa sadia com alguém, de alguém querer saber o que produz como criação, de querer saber o porquê Deus nos criou. E todos levam suas vidas neste mundo frustrados, angustiados, mas ninguém busca a saída de seus infortúnios.

Oi! Vamos conversar? Vamos falar do propósito da vida, vamos falar da consciência que produzimos, e que esta tem várias funções e que é ela que interessa a Deus. É esta consciência que dará continuidade a vida, mas para isso ela deve se desligar de tudo deste mundo, de todos os sentimentos que a ligam neste plano material e se ligar no espírito de Deus que já nos dá a vida. É um propósito muito sábio, muito racional, mas para isso a consciência precisa raciocinar para ela enxergar por si mesma tudo que tem que ser feito dentro dela… Você está me entendendo?

Por Kátia Campos