Terra abandonada e esquecida, por causa de uma plantação que não vingou, frutos mirrados e podres de uma geração que despreza a vida, e procuram no incerto as paixões e loucuras momentâneas. Não era para dar errado aquilo que Deus preparou, todo um sistema muito bem montado para realização do propósito da vida e a consciência não se identificou.

Deus a chamando pelo seu nome, mas ela não dá a menor atenção.
Estamos nos finais dos tempos e esta é a última tentativa e todos irão saber que Deus fez de tudo para avisar cada consciência para não ter a carne como preferência, mas Ele ainda continua a chamando pela vida, e quem sabe, acorde outras consciências adormecidas.

Por Lauro Balbino