Assim como todos os profetas de Deus nasceram neste mundo, cresceram, produziram a consciência, buscaram se inteirar do propósito de Deus e falaram deste propósito a todos, hoje sou eu que faço esse papel. Eu nasci nesse mundo, busquei desde cedo a razão da vida, descobri e falo a quem quiser ouvir, não falo do propósito de Deus por ganho material, ou por dinheiro, mas falo verdadeiramente por amor a Deus e ao próximo.

Vejo que nós estamos dentro de um propósito, não estamos nesse mundo para outra coisa fora deste propósito, o propósito da vida tem três fases: a de sêmen que já passamos por ela, a de ser humano em que estamos e lá a frente tem a fase espiritual que almejamos. E assim como houve todo um processo regido por leis e princípios para chegarmos a esta fase humana, agora também existe outro processo, regido também por leis e princípios para chegarmos na próxima etapa da vida. Ninguém foi nos buscar quando éramos sêmens para nos trazer até a etapa humana, agora também ninguém virá nos buscar para nos levar a fase espiritual, mas é preciso nascer nela, assim como nascemos na carne e estamos aqui hoje neste mundo. Não foi tão simples assim você chegar a este mundo, mas no meio de um tetralhão de possibilidades, você foi escolhido e nasceu neste mundo, não digo nem escolhido, mas foi o teu sêmen que entrou no ventre da sua mãe, se gestou e você nasceu na carne como ser humano.

Olha só a possibilidade de você estar aqui hoje: cada vez que o homem ejacula são trezentos milhões de sêmens e quantas e quantas vezes teu pai deve ter ejaculado sem que o teu sêmen estivesse no meio? Todos os outros foram para o ralo eterno e só no dia que o teu pai coabitou com a tua mãe, foram cerca de trezentos milhões de sêmens e foi justamente o teu sêmen que adentrou o óvulo da tua mãe. Imagine, a tua mãe teve que estar no período fértil neste dia, não usou nenhum tipo de preservativo, para que você fosse inseminado e nascesse aqui. Agora também eu vejo bilhões e bilhões de consciências caindo no vazio eterno por não gerarem o filho de Deus nelas, praticamente todas as consciências nem sabem que estão dentro de um propósito, muito menos sabem que devem coabitar com Deus pela palavra e o raciocínio da consciência, para chegar ao gozo do entendimento e inseminar o espírito de Deus nela, depois gesta-lo, que é passar pelo caminho apertado, que é muito difícil para as consciências, pois elas devem se desligar da carne e se ligar no espírito de Deus, isto é, elas devem perder todos os sentimentos que elas têm pela carne e passar a tê-los pelo espírito e só assim por fim elas nascerão no plano do céu pelo espírito.

Agora me diga uma coisa, qual a possibilidade da tua consciência chegar a vida eterna do espírito? De boca todas chegam.

Por O teu espírito diz