A primeira coisa que deveríamos fazer neste mundo, seria buscar o entendimento do porque estamos aqui. Isto deveria ser passado de pai para filho, deveríamos saber que somos criações, que temos um Criador e que houve um motivo para Ele ter nos criado. Teríamos que ter consciência que estamos dentro de uma etapa da vida, que na carne vamos morrer e na etapa seguinte seria as nossas consciências pelo espírito no plano do céu. Se fosse assim não teríamos mais de cem mil doutrinas espalhadas pelo mundo, não teríamos traficantes acabando com as consciências dos jovens, não teríamos corrupções dos políticos do poder na política, não teríamos empresários avarentos acabando com o planeta Terra, não teríamos o problema da fome, da pobreza, não teríamos escroques do diabo enganando o povo, não teríamos nada do que vemos hoje no mundo.

A nossa vida eterna seria uma coisa certa, pois nasceríamos como filho de Deus, e a paz da vida reinaria em nossos corações. Mas olha o que fizeram com o propósito de Deus? Veja o que você fez com o vindo de Deus? Se ligou na carne e deixou a sua aliança eterna, pôs fim ao propósito da vida e não dará continuidade na eternidade. Interrompeu o propósito na segunda fase da vida, e fez pior, não foi para o ralo da primeira vez, mas vai agora na segunda fase, e não estará na terceira e definitiva fase da vida, na fase espiritual.

Nossa! Quão tolo é o seu coração, quão fraca é a tua consciência, perdeu a tua vida eterna por uma vida passageira e não gozará a tua vida eterna no espírito. É, você não entendeu mesmo o propósito da vida, por ser uma insana, mas fazer o que?

Por O teu espírito diz