Estão postos dois caminhos à frente do Homem, o da morte e o da vida! O da morte é viver segundo a carne, pelos seus desejos, o da vida, esse, ah! Esse sim, é viver segundo a vontade de Deus! Carregada de alegrias, paz e satisfação. O viver segundo a carne são só frustrações, perturbações e insatisfações, o oposto. Fora que te tira da vida eterna, a pior coisa que possa acontecer com uma consciência (alma).

Quem determina o caminho que quer andar é cada consciência, sabendo-se que, cada escolha tem seu merecimento, em sã consciência não deixaria de andar no caminho de Deus, por ser o único e verdadeiro, mas não é o só falar, mas sim o viver, na prática. O dizer não vale de nada, cada um conta sua história por aquilo mesmo que vive, relatada no livro da vida. Nós que devemos gravar nossos nomes no livro, por viver segundo Deus na prática vivida, um caminho desde já satisfatório e supremo. Isso é mais real do que imaginamos, é o acordar para a vida, desatar de todo lamaçal.

 

Por Alexandre Campos