Um dia nós nascemos neste mundo e um dia vamos sair dele, este é o tempo que temos de realizar o propósito de Deus em nós. Isto ocorre assim: na carne, como criação, nós produzimos a consciência, mas uma vez esta consciência produzida, nós temos que a desligar da carne e a ligar no espírito que Deus nos assentou, este é o propósito da vida a nós. A partir do momento que a consciência conscientiza o espírito, ela não deve mais pensar pela carne e sim pelo espírito. Ela não deve mais se preocupar com as coisas da carne e sim com as do espírito, pois nós estamos trocando de ser, trata-se de uma metamorfose existencial. Você que era casada com a carne, agora é casada com o espírito. Você que era filha na carne, agora é filho no espírito. Você que trabalhava para sustentar a carne, agora trabalha para sustentar o espírito. A tua família que era na carne, agora é no espírito. Você que tinha as suas vistas aqui no mundo, agora tem as suas vistas lá no céu.

Você ainda não entendeu o propósito da vida, ainda está querendo conciliar as duas vidas juntas? Uma hora o espírito vai embora, e a tua consciência perderá as duas existências. A tua consciência ainda está perdida entre a carne e o espírito. O tempo que temos para desligar a consciência da carne e liga-la no espírito é o agora, pois está escrito: não provoqueis a ira do senhor, porque ele não perdoará a tua rebeldia. No que ainda você está indecisa? Quer voltar aos tormentos da tua carne? Pois você está provocando a ira do senhor, e até quando isto sucederá no teu coração? Você não quer deixar a carne por teus sentimentos, mas sabe que um dia ela vai te deixar na mão, o que você quer ainda com a carne? Você já conhece todo o propósito da vida e sabe que está neste mundo só de passagem, sabe que a tua vida eterna está no espírito, e ainda quer coisas com a carne?

No apocalipse está escrito destes finais dos tempos assim: sai dela povo meu, para que não incorras nas suas pragas e em seus flagelos. Estamos vivendo em pleno finais dos tempos, e com tudo isto ainda a tua consciência tem sentimentos com a carne? Pior, está traindo o teu senhor com ela, aquele que te justificaria diante de Deus, o senhor justiça nossa.
Não, você ainda não entendeu o propósito da vida, pois ainda tem muitas ligações com a carne. Foi até um certo ponto no caminho da vida, mas empacou como as mulas pelos sentimentos carnais. Se você quiser ficar presa a carne, então fica, fazer o que. Um dia você ainda vai se arrepender disso, mas daí vai ser tarde demais.

Por O Teu espírito diz