De que vale o livre arbítrio para um irracional que se auto prejudica? O livre arbítrio é bom para quem raciocina e vê o que é bom para si mesmo, mas o livre arbítrio para quem entra nas drogas e acorrenta o irracional a vida inteira é péssimo. O livre arbítrio é bom para quem é racional e só escolhe coisas boas para si.
Nós estamos dentro de um propósito e este propósito nos conduz a próxima etapa da vida, que é a etapa da vida eterna, isto é, a fase do espírito de Deus. A consciência que não praticar este propósito, cairá no vazio eterno sem volta. E de que vale a tua consciência ter o livre arbítrio de escolher andar pela carne e cair neste vazio eterno?

O que a tua consciência julga melhor para ela? A vida eterna do espírito ou cair numa masmorra eterna? A tua consciência é livre para escolher o que ela quiser, tanto isto é verdade, que bilhões e bilhões de consciências já caíram no vazio eterno e ainda estão caindo por falta de sabedoria. E hoje, este tal de livre arbítrio também está levando a tua consciência aos infernos eterno, e de que adiantará este livre arbítrio quando a tua consciência estiver numa masmorra eterna? De que adiantará a tua consciência ter o livre arbítrio e não ter mais um corpo para se manifestar?

Pense bem a liberdade que a tua consciência está buscando para ela, uma eternidade sem vida. Vamos ser livres, mas antes inteligentes, vamos buscar o caminho que nos leva a vida eterna, vamos buscar o espírito da vida, nos unificar a ele, pois ele será o corpo eterno das nossas consciências, uma vez que nós já sabemos que com a carne não vamos muito longe. E de que vale o livre arbítrio, de irmos atrás da carne e cairmos numa masmorra eterna? Jesus disse: não dê coisas santas aos cães e nem deiteis as vossas pérolas aos porcos, pois eles não conhecem o valor delas e as pisarão. Não dê liberdade a um irracional, pois ele lhe dará um coice, mas dê liberdade a um sábio, pois ele fará grandes e boas coisas com ela. Por isso um salmista disse: não sejais como um cavalo e nem como uma mula que não tem entendimento, cujo a boca precisa de cabrestos para que não se vire a ti. Tem um ditado que diz: se queres conhecer uma pessoa, dê poderes a ela. É só você soltar um animal, que verá o que ele é capaz de fazer.

Por O teu espírito diz