Nós, seres humanos, somos a principal criação de Deus, criação selada por causa da consciência que produzimos. Tudo Deus criou visando somente esta consciência que o ser humano produz, ela é quem dá valor a tudo, e sem consciência nada tem valor de ser, nem Deus teria valor algum sem a consciência Dele. Esta consciência é o fruto que sustenta a Deus, pois é por ela que Deus quer se manifestar por toda eternidade. Esta consciência é o fruto proibido que o Homem come e que não deveria comer, pois este é o fruto que pertence a Deus, mas por ser a carne quem a produziu, a consciência ficou ligada nela e não se entregou ao espírito pela vida. Por isto o mundo se encontra do jeito que está, todas as consciências andam pela carne que morre e não se entregam ao espírito pela vida. Por isto Deus derrubou a cerca e deixou as pragas daninhas tomarem conta das consciências, todas ignoraram o espírito da vida e só andam pela carne que morre.

Meus irmãos se quisermos dar sequência a nossa existência temos que entregar esta consciência nas mãos deste espírito, deixá-lo nos guiar para voltarmos a Deus com ele. A carne sabemos que voltará ao pó, o espírito voltará a Deus. Esta consciência é o fruto que pertence a Deus e ligada ao espírito voltaremos a Deus com ele, mas se a consciência não se desvincular da carne, quando o espírito voltar a Deus, a consciência é quem sofrerá eternamente.

Por Rozivane Pereira