Hoje é o tempo presente em que devemos enxergar toda a complexidade que nos envolve e que não viemos a este mundo por acaso, mas sim temos um propósito a realizar. Somos criações de Deus e como criação produzimos algo de muita valia que deve beneficiar o nosso Criador. Eu, como criação produzi a consciência e pelo raciocínio lógico esta consciência deve servir o meu Criador. A consciência é um manifestador de existência, e para que eu realize a vontade do meu Criador tenho que manifestar este espírito que me vivifica, ele é o braço do Senhor, o meu resgatador, veio a mim só para buscar esta consciência e levar ao Pai. O espírito que habita em mim é o maior presente que Deus me deu, Ele é o braço do Senhor em mim, é a minha vida eterna e veio a mim só para me resgatar e me levar a Deus. A consciência que se ligar no espírito concluirá o propósito de Deus nela e ele mesmo a transporá de plano e viverá por ela eternamente.O presente

Hoje é o tempo presente em que devemos enxergar toda a complexidade que nos envolve e que não viemos a este mundo por acaso, mas sim temos um propósito a realizar. Somos criações de Deus e como criação produzimos algo de muita valia que deve beneficiar o nosso Criador. Eu, como criação produzi a consciência e pelo raciocínio lógico esta consciência deve servir o meu Criador. A consciência é um manifestador de existência, e para que eu realize a vontade do meu Criador tenho que manifestar este espírito que me vivifica, ele é o braço do Senhor, o meu resgatador, veio a mim só para buscar esta consciência e levar ao Pai. O espírito que habita em mim é o maior presente que Deus me deu, Ele é o braço do Senhor em mim, é a minha vida eterna e veio a mim só para me resgatar e me levar a Deus. A consciência que se ligar no espírito concluirá o propósito de Deus nela e ele mesmo a transporá de plano e viverá por ela eternamente.

Por Rozivane Pereira