Em meio esse mundo de caos, numa geração tão perversa, seres humanos tão maus, quem dá atenção ao que diz o poeta? Aquele que fala do bem, do caminho repleto de luz, que enxerga muito além e que o lume lhe conduz. Um remanescente, parece nem fazer volume, mas a sabedoria eleva a mente, sobe ao mais alto do cume. Canta alto o som da vida e transbordam palavras da verdade, o sentido, a saída, a cura e a liberdade. Incentivo a todas as almas para reconhecerem a porção eterna, que habita em cada profundo, contendo água pura na cisterna. Aquele que se descobre desvendando o x da questão, a verdade não encobre, reparte com todos os corações. Trabalha por amor no preparo de cada terra, espalha a semente da vida aos quatro cantos dessa esfera. Compartilhe a vida, a todos que cruzarem seu caminho, multiplique a sabedoria, ajude a tirar os espinhos. As almas estão saturadas, doentes, sem esperança, mostre a elas o porto seguro, o cais, a leveza da criança. A mão divina está no interno nos ensinando e moldando, a estrela perpétua do nosso universo, que nos guiará ao eterno plano.

Por Michele Mi