Eis que são colocados dois caminhos diante de vós, o caminho da luz e o caminho das trevas, o caminho da vida e o caminho da morte, o caminho do espírito e o caminho da carne, o caminho da sabedoria e o caminho da ignorância, o caminho do bem e o caminho do mal, o caminho da direita e o caminho da esquerda. E vemos todas as consciências pegar o caminho da esquerda, vão todas atrás da carne e ignoram o vindo de Deus nelas. Vão sair nas trevas eternas, no vazio do nada. Teoricamente, por lógica, éramos para pegar o caminho da luz, mas a ignorância cobriu a terra e andam todas no caminho das trevas.

Ninguém sabe nem o porquê existe, ninguém sabe o que veio fazer aqui neste mundo. Andam todas em trevas. Quem sabe de fato o que produz como criação? Sabia que o produto da criação, por lógica deveria servir o Criador? A escrita da caneta, por exemplo, deve servir ao homem que é o criador da caneta. A luz que a lâmpada produz deve servir ao homem que é o criador da lâmpada. Sendo assim, o que produzimos como criação deve servir a Deus que é o nosso Criador. Mas sequer, os seres humanos sabem o que produz como criação, menos ainda sabem para que servem. Ninguém sabe o que veio fazer neste mundo, e nem como dar continuidade a vida depois que a carne morrer. A tua consciência anda totalmente em trevas, e você ainda confunde com os teus olhos carnais, mas não vê nada com os olhos do entendimento.

Com os olhos da carne você enxerga, mas com os olhos do entendimento é cega, pois não vê nada por este olho. Se julga que vê me responda as seguintes perguntas: Você sabe de fato o porque o teu Criador te criou? Você sabe de verdade o que produz como criação? Sabe para que serve o que produz? Sabe como dar continuidade a vida depois que a carne morrer? Conhece as leis e o processo de nascer de novo para a próxima etapa da vida? Se souber tudo isto, você pratica a obra de Deus em você? Se não sabe responder a estas perguntas está mesmo nas trevas e pegou o caminho da esquerda, e anda como os ignorantes desta vida.

Por O teu espírito diz